Martes, 20 Agosto 2013 11:18

Programa de Bolsas Santander

Rate this item
(0 votes)

O Banco Santander realiza diversos programas de intercâmbio com bolsa de estudo para que alunos realizem estudos em universidades pelo mundo com as quais a empresa possui convênio. As bolsas de estudo concedidas são para intercâmbio de três semanas até um semestre para estudantes de graduação e pós-graduação aprofundarem seus conhecimentos e vivenciarem outras práticas culturais.

O oferecimento das Bolsas Santander varia de acordo com os convênios firmados entre a empresa, Agência USP de Cooperação Internacional e as universidades no exterior. Por isso é muito importante sempre ficar atento às divulgações realizadas e acompanhar as novidades nos sites oficiais. Atualmente todos os programas de Bolsas de intercâmbio financiadas pelo Banco Santander ocorrem na USP através Agência USP de Cooperação Internacional. Para maiores informações acesse os sites:

Os alunos interessados em concorrer a alguma Bolsa Santander organizada em parceria com a VRERI devem se inscrever tanto no site do Santander Universidades como no Sistema Mundus, da USP.

 

Confira abaixo algumas informações sobre os principais programas de bolsas Santander em vigor atualmente:

 

Bolsas Luso-Brasileiras

Uma das frentes da mobilidade internacional é o Programa de Bolsas Luso-Brasileiras, que estimula a cooperação entre Brasil e Portugal. São bolsas de estudo de um semestre para estudantes de graduação. Lançado em 2007 na comemoração dos 150 anos do Santander, o programa fortalece os laços de cooperação entre os países ibero-americanos, estreitando relações bilaterais. As inscrições ocorrem via Serviço de Graduação da FEA-RP.

 

Bolsas Ibero-Americanas

Lançado em 2011, o Programa de Bolsas Ibero-Americanas, é uma iniciativa com cinco anos de duração (de 2011 a 2015) que incentiva e promove a mobilidade de estudantes de graduação entre universidades ibero-americanas. O Programa tem como principais objetivos fortalecer a internacionalização da atividade acadêmica, criar novas frentes de colaboração, reciprocidade, fortalecer o intercâmbio bilateral além de estreitar o relacionamento entre universidades dos países ibero-americanos por meio da construção de um espaço de conhecimento socialmente responsável. No Brasil, 49 universidades foram beneficiadas com o total de 265 bolsas de estudos, com valor equivalente a três mil euros.

 

Bolsas Santander Mundi

O Santander Mundi, uma reformulação do programa Formula Santander, vai dar bolsas de estudos para mobilidade internacional a estudantes brasileiros de graduação e pós-graduação. Os estudantes podem ganhar uma bolsa de estudos para fazer um intercâmbio de até um semestre em um dos mais de 20 países em que o Santander está presente. Em 2018, serão 100 bolsistas contemplados.

 

Programa Top China

O Programa TOP CHINA é uma Iniciativa pioneira do Santander Universidades lançada em 2009 que promove o intercâmbio entre Brasil e China para o debate de temas de interesse global. A cada ano o Programa amplia seu impacto na sociedade, beneficiando alunos e professores. Permite intercâmbio de três semanas na China.

 

Programa Top España

O Programa de Mobilidade Internacional TOP ESPAÑA lançado em 2010, oferece bolsas de estudos na Universidad de Salamanca para aprimorar a formação acadêmica de alunos e professores. A iniciativa promove o intercâmbio cultural, além de contribuir com a capacitação de universitários e docentes para o mercado de trabalho. O TOP ESPAÑA concede cerca de 107 bolsas de estudo para 24 universidades brasileiras. Os contemplados terão a oportunidade de realizar curso de cultura e língua espanhola com a duração de três semanas.

 

Programa Top UK

O Programa TOP UK promove o intercâmbio de 40 alunos e professores de dez universidades brasileiras com uma das mais tradicionais e melhores universidades britânicas de acordo com o Ranking da Times Higher Education: Universidade de Oxford. O Programa com duração de três semanas tem como principais objetivos: proporcionar às universidades brasileiras a oportunidade de intercâmbio cultural resultando em sua internacionalização e integração da atividade acadêmica, além de capacitar os universitários e professores brasileiros na língua inglesa.

Read 6174 times