Sexta, 21 Setembro 2018 12:47

Campanha #FEARPamarela

Avalie este item
(1 Voto)

WhatsApp Image 2018 09 18 at 17.48.22Começou na FEA-RP a campanha Setembro Amarelo, que tem por objetivo conscientizar a população sobre a prevenção ao suicídio. A campanha na unidade, chamada #FEARPamarela, é uma iniciativa da Enactus e da FEA-RP e conta com os seguintes apoios: CVV, Centro de Orientação Psicológica Integrada (COPI) do campus, Comissão de Acolhimento e Orientação (CAO), Gaming Club, Chama as Mina e Centro Acadêmico Flaviana.


Várias atividades já foram promovidas durante o mês de setembro, como no dia 13 que aconteceu o CAO Com Prosa – Setembro Amarelo, que contou com a participação de Aline Conceição Silva, doutoranda em Enfermagem Psiquiátrica na Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP) da USP.  


No dia 20, a CAO e o Gaming Club promoveram mais um CAO Com Prosa para debater o jogo Life is Strange, que trata, basicamente, de conversas e ações a serem tomadas para evitar que a personagem cometa suicídio.  Ainda estão programados debates sobre o tema e durante os fins de semana do mês de setembro, até dia 27, o Gaming Club tem streaming do jogo Life is Strange.


O Centro de Voluntariado Universitário de Ribeirão Preto (CVU) vai promover, no dia 25, às 12 horas, o Alme-se, no Convívio da FEA-RP, com apoio da CAO. É um evento realizado pelo CVU em que são distribuídas gentilezas, como abraços, flores e cartas com palavras gentis.


Com apoio da Diretoria da FEA-RP, as entidades vão promover mutirão para colar cartazes na unidade com mensagens de apoio na prevenção ao suicídio. Vão realizar também uma ação de empoderamento nos espelhos dos banheiros. Além disso, foi feita uma moldura de perfil do Facebook da campanha #FEARPamarela, que pode ser acessada aqui.


Lembre-se de que "falar é a melhor solução".

 

Eles podem te ajudar:

Centro de Valorização da Vida (CVV): 188

Centro de Orientação Psicológica Integrada (COPI): (16) 3315-3494

CAO: acolhimentofearp@gmail.com


Por: Leonardo Rezende, Assessoria de Comunicação da FEA-RP.

Lido 406 vezes